Revestir a aprendizagem de uma dimensão lúdica é a função principal do jogo na aprendizagem. Esta dimensão lúdica confere ao gesto do ensinar e do aprender, na seriedade e esforço que esse gesto comporta, um sentido de alegria e de prazer que reforça o aprendido e consolida a motivação para o novo aprender. Por isso, uma pedagogia da alegria implementada na aprendizagem musical é um facilitador imprescindível a que o professor de música deve recorrer. Ensinar jogando, criando jogos e fazendo jogar são oportunidades únicas não só para o professor dos primeiros anos de escolaridade, mas também para o professor dos alunos pubertários e adolescentes. Assim, uma formação contínua que forneça aos professores fundamentação teórica e ferramentas práticas que lhes permitam colocar, ao serviço duma aprendizagem eficaz e duradoura, o jogo, conferindo ao esforço e à difícil tarefa de aprender o prazer e a alegria, é uma formação não só pertinente como necessária.

Jogos Musicais

Jogos Musicais

Esgotado

Ação de formação Creditada

12,5h | Registo:CCPFC/ACC-120007/23

por

Ana Leonor Pereira

Destinatários:

Professores dos Grupos 110, 150 e 250

Datas:

19 de fevereiro a 20 de março de 2024

Valor da Inscrição:

Sócios da APEM com as quotas regularizadas1 - 30 €

Não Sócios2 - 60€

1Os sócios com as quotas em dia para beneficiarem do desconto de sócio têm que fazer o login no site da APEM.
2Torne-se sócio e poupe de imediato ao inscrever-se nesta formação. Clique aqui para saber mais.
Número máximo de participantes: 15
Modalidade:

A formação decorre maioritariamente em sessões assíncronas, de modo a que os formandos possam gerir o tempo na realização das atividades propostas, devendo apenas respeitar as datas limite. Estão, no entanto, calendarizadas as seguintes sessões síncronas:

Sessões síncronas das 19h00 às 20h30 nos seguintes dias:
  • 20 e 27 de fevereiro e 5 de março
Requisitos mínimos
  • Computador com um mínimo de 2 GB RAM/2 GHz no sistema operativo MAC OS X 10.7 ou posterior, Windows 7 ou posterior ou a última versão GNU/LINUX;
  • Auscultadores, câmara e microfone;
  • Ligação à internet.

Sinopse:

Revestir a aprendizagem de uma dimensão lúdica é a função principal do jogo na aprendizagem. Esta dimensão lúdica confere ao gesto do ensinar e do aprender, na seriedade e esforço que esse gesto comporta, um sentido de alegria e de prazer que reforça o aprendido e consolida a motivação para o novo aprender. Por isso, uma pedagogia da alegria implementada na aprendizagem musical é um facilitador imprescindível a que o professor de música deve recorrer. Ensinar jogando, criando jogos e fazendo jogar são oportunidades únicas não só para o professor dos primeiros anos de escolaridade, mas também para o professor dos alunos pubertários e adolescentes.

Assim, uma formação contínua que forneça aos professores fundamentação teórica e ferramentas práticas que lhes permitam colocar, ao serviço duma aprendizagem eficaz e duradoura, o jogo, conferindo ao esforço e à difícil tarefa de aprender o prazer e a alegria, é uma formação não só pertinente como necessária.

Objetivos a atingir:

  1. Fornecer jogos musicais passíveis de serem utilizados em sala de aula.
  2. Implementar estratégias conducentes à criação de jogos musicais.
  3. Desenvolver o conhecimento sobre anatomofisiologia e acústica da voz cantada. 
  4. Criar jogos musicais em função dos contextos de aprendizagem e dos estádios de desenvolvimento dos alunos.
  5. Desenvolver o sentido lúdico inerente à aprendizagem musical.
  6. Oferecer fundamentação teórica para a construção da motivação através do sentido do jogo na aprendizagem.
  7. Oferecer fundamentação teórica para uma pedagogia musical da alegria.

Conteúdos:

  1. Jogos musicais de copos, de mãos, de improvisação, de reconhecimento musical, de desenvolvimento da memória musical, de expressão corporal, de desenvolvimento auditivo melódico e rítmico, etc.
  2. Estratégias de criação de jogos musicais: níveis de aprendizagem, funções e objetivos dos jogos.
  3. Criação de jogos musicais a partir de diferentes recursos.
  4. Aplicação dos princípios de uma pedagogia da alegria na aprendizagem musical através do jogo.

Metodologias de realização da ação:

A ação será fundamentalmente de índole prática (9 horas) nas quais serão dados e criados jogos musicais diversos. Serão ainda dadas 3 horas de aulas teórico-práticas nas quais será fornecida fundamentação teórica corroborando a importância do sentido lúdico na aprendizagem e na motivação.

A avaliação dos formandos será efetuada tendo em conta: 

  1. A avaliação contínua nas situações práticas da ação e na realização e participação nas tarefas propostas;
  2. Uma breve reflexão escrita sobre alguns dos conteúdos da ação à escolha do formando. 

Na avaliação dos/as formandos/as será dado cumprimento às determinações legais, nomeadamente os nºs 1 a 4 e 7 a 9 do artigo 4º do Despacho nº 4595/2015 do Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, publicado no Diário da República, 2ª Série, Nº 87, de 6 de maio, e ao Regulamento para acreditação e creditação de ações de formação contínua, de 9 de maio de 2016, do CCPFC.

A avaliação é formalizada numa escala de 1 a 10 com a menção qualitativa de:

  • 1 a 4,9 valores – Insuficiente
  • 5 a 6,4 valores – Regular
  • 6,5 a 7,9 valores – Bom
  • 8 a 8,9 valores – Muito Bom
  • 9 a 10 valores – Excelente

Bibliografia fundamental

  • Beineke, V. e Freitas, S. P.R. (2006), Lenga la lenga: Jogos de mãos e copos. São Paulo.
  • Gainza, V.H. (1986), Juegos de manos. 75 rimas y canciones tradicionales com manos y otros gestos. Buenos Aires:Guadalupe.
  • Litman, J.A. (2005), Curiosity and the pleasure of learning: Wanting and liking new information. Cognition and Emotion 19 (6), 793-814.
  • Storms, G. (1984), 100 jogos musicais. Actividades práticas na escola. Rio Tinto -Portugal.
  • Tyng, C. M., Amin, H.U., Saad, M.N.M. & Malik, A.S. (2017) The Influences of Emotion on Learning and Memory. Frontiers in Psychology, 8:1454.
Ana Leonor Pereira

Ana Leonor Pereira

Mestre em Ciências da Fala pela ESSA/Universidade Católica, licenciada e profissionalizada em Canto pelo Conservatório de Haia e em Filosofia pela Universidade de Lisboa. É bacharel em Canto pela ESML. Formadora creditada pelo CCPFC. Tem vários artigos científicos publicados e discos editados. Fundou o Teatro de Ópera Infantil do qual é directora artística. Foi-lhe atribuído o Título de Especialista em Música. Lecciona nos mestrados em Ensino Vocacional da Música no ISEIT do Instituto Piaget de Almada e nos Conservatórios de Música de Lisboa e de Mafra sendo, deste último, Directora Pedagógica.

Para inscrever-se, clique no link em baixo e preencha o formulário:

Olá, torne-se sócio APEM aqui para poder beneficiar de um desconto de 50% nesta formação. Caso seja sócio APEM, faça login para ter acesso ao desconto.

Informações:
apem associação portuguesa de educação musical

Praça António Baião 5B Loja
1500 – 712 Benfica - Lisboa

  21 778 06 29

  932 142 122

 Envie-nos um email


http://pinterest.com/pin/create/button/?url=https%3A%2F%2Fwww.apem.org.pt%2Fformacao%2Fjogos-musicais%2F&media=https%3A%2F%2Fwww.apem.org.pt%2Fimagens%2Fjogos-musicais.jpg&description=Jogos%20Musicais" target="_blank" title="Pin it">

A APEM

A Associação Portuguesa de Educação Musical, APEM, é uma associação de caráter cultural e profissional, sem fins lucrativos e com estatuto de utilidade pública, que tem por objetivo o desenvolvimento e aperfeiçoamento da educação musical, quer como parte integrante da formação humana e da vida social, quer como uma componente essencial na formação musical especializada.

Cantar Mais

Cantar Mais – Mundos com voz é um projeto da Associação Portuguesa de Educação Musical (APEM) que assenta na disponibilização de um repertório diversificado de canções (tradicionais portuguesas, de música antiga, de países de língua oficial portuguesa, de autor, do mundo, fado, cante e teatro musical/ciclo de canções) com arranjos e orquestrações originais apoiadas por recursos pedagógicos multimédia e tutoriais de formação.

Saiba mais em:
http://www.cantarmais.pt/pt

Newsletter da APEM

Caros sócios, A APEMNewsletter de fevereiro acaba de ser publicada e encontra-se disponível para visualização no site da APEM.
Clique na imagem em cima para ter acesso à mesma.

Apoios:

 República Portuguesa
Fundação Calouste Gulbenkian

Contactos:

apem associação portuguesa de educação musical

Praça António Baião 5B Loja
1500 – 712 Benfica - Lisboa

  21 778 06 29

  932 142 122

 Envie-nos um email


©  Associação Portuguesa de Educação Musical

©  Associação Portuguesa de Educação Musical